A família está de férias, as noites convidam a passeios prolongados, a brincadeiras entre amigos, ficando muito fácil abandonar os horários e as rotinas das crianças e adolescentes. No entanto, é importante perceber a importância de manter um horário regular para dormir.
Antes de qualquer outra justificação, só com um horário regular é que as crianças vão conseguir dormir as horas necessárias. Além disso, se as suas crianças continuam com atividades a começar bem cedo pela manhã e não dormirem o suficiente o mais provável é que acordem cansadas e irritadas.

Por outro lado, na ausência de despertadores, os adolescentes (que precisam de dormir bastante) tendem a acordar cada vez mais tarde. Um hábito que vai tornar mais difícil o regresso às rotinas e aos horários escolares.

As consequências para a saúde

Dormir pouco no verão tem consequências para a saúde. Além das mudanças de humor é comum que as crianças tenham mais dificuldade de concentração e de aprendizagem. Além disso alterações no apetite e no peso podem também estar associadas a poucas horas de sono.
Em alguns países, as crianças registam aumento de peso durante os meses de verão, que se acredita estar associado às mudanças no sono, na dieta e nas atividades durante este período.

Dormir até nas noites de mais calor

 

Cumprir as horas de sono

Sabe quantas horas deve dormir uma criança? O fator idade é determinante. Por exemplo, em idade pré-escolar (dos 3 aos 5 anos) as crianças devem dormir entre 10 a 13 horas (incluindo sestas) por dia, enquanto as crianças mais velhas podem precisar entre 8 a 11 horas de sono para estarem verdadeiramente descansadas.
Ter horários consistentes é fundamental para que estas horas sejam cumpridas, o que no verão implica, muitas vezes, ir para a cama ainda com o sol a brilhar.

Para os adolescentes, o ideal é que acordem entre as 9h e as 10h da manhã, assim a transição para o horário da escola não será tão difícil. Tentando que, algumas semanas antes do início da escola, os horários se aproximem do habitual. Uma boa maneira de o fazer é ir antecipando o despertador cerca de 15 minutos a cada dia até chegar ao “horário escolar”.